NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sábado, 23 de Março de 2019

CIDADES
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2019, 10h:28

FOLIA DE MOMO

Camping é opção para o Carnaval em Chapada

É com esta proposta que o bloco “Nunca Nem Vi” surge em Chapada dos Guimarães com tudo o que o público tem direito

DA REDAÇÃO
Divulgação

Muitas pessoas gostam de aproveitar ao máximo a experiência do Carnaval. Tanto que nada mais propício do que permanecer no local da folia durante todo seu período. Isto, é claro, com os confortos necessários para se divertir ainda mais.

É com esta proposta que o bloco “Nunca Nem Vi” surge em Chapada dos Guimarães com tudo o que o público tem direito – inclusive, um camping.  

Em sua primeira edição, a proposta do evento é fazer com que não apenas os momentos durante os shows sejam as experiências que os frequentadores irão lembrar por toda a vida. A ideia é que a estadia na Lagoa das Conchas, entre os dias 2 e 5 de março, seja também relaxante e extremamente divertida – não só para aqueles que pretendem curtir o bloco, mas para todos que pretendem aproveitar o feriado na região.     

Sob uma estrutura coberta, o camping “Nunca Nem Vi” é quase como uma pequena vila repleta de pessoas que dividem o amor pelo Carnaval.

Um local de união e interação em que os frequentadores poderão encontrar desde áreas exclusivas de descanso, internet, tomadas, segurança, apoio médico, banheiros e chuveiros, bem como um food park com opções de alimentação e atividades especiais.   

“Já tradicional em festivais ao redor do mundo, a modalidade de camping oferece todo o conforto, economia e segurança para quem quer ‘viver’ o Carnaval, curtir com os amigos e não ter que se deslocar após a festa. Ou seja, ela proporciona ao público a praticidade de simplesmente andar até a sua barraca e dormir. A propósito, o camping estará disponível por dois dias além da programação oficial do bloco, que acontece nos dias 3 e 4 de março”, comenta Bruno Defanti, produtor cultural e co-organizador do evento.         

Quem optar pelo camping "Nunca Nem Vi" terá que levar sua própria barraca, colchão inflável, travesseiro e edredom/roupa de cama para dormir. Vale destacar que será vetada a entrada de bebidas (alcoólicas ou não alcoólicas).

Para quatro dias, o valor promocional do camping será de R$400 – espaço para barraca com quatro pessoas (dimensão 2,2 m x 2,2 m). A entrada no local será no dia 2 de março, a partir das 12h, e a saída está prevista para o dia 5 de março, até às 12h.  

Bloco Nunca Nem vi

Nos dias 3 e 4 de março, o bloco “Nunca Nem Vi” agitará o Carnaval em Chapada dos Guimarães sob o comando do swing do grupo baiano Parangolé, do baile funk do carioca JonJon, das coreografias baianas – e mundiais – do FitDance Show, assim como do som regional e contagiante de Sander e Felipe, Sedusamba, Bruno Braz, DJ Monteiro, DJ Ton Lima, DJ The Leon e do projeto 2HOT4U. A bateria fica por conta da Turuna.     

"Esse evento chega para oferecer um Carnaval diferenciado para nossa região, que ainda carece de opções para quem quer curtir intensamente a data. Se antes o público acabava gastando muito para viajar para outros Estados em prol de aproveitar a folia, agora terá uma programação especial o aguardando por aqui. Atrações de peso, animação, infraestrutura, conforto e segurança não irão faltar”, reforça Bruno Defanti.   

As entradas para o bloco "Nunca Nem Vi" podem ser adquiridas em pontos de venda da Casa de Festas, na Balbek Hookah Bar (Praça Popular) e na Prime Eventos (Goiabeiras Shopping).

Os abadás podem ser retirados no ponto de apoio oficial no Goiabeiras Shopping (primeiro piso).

Para garantir o acesso ao camping, os interessados devem adquirir o voucher por meio do site oficial do evento. Mais informações pelo Instagram @blnuncanemvi .


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
Em sua opinião, qual deve ser a prioridade do futuro governador de MT?
Reduzir o número de Secretarias de Estado
Concluir as obras do VLT
Pagar dívidas com fornecedores
Saúde, Educação e Segurança Pública
PARCIAL