NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quarta-feira, 20 de Novembro de 2019
CIDADES
Quinta-feira, 01 de Fevereiro de 2018, 18h:02

CONCURSO EDUCAÇÃO

Não há previsão para convocação

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer de Mato Grosso (Seduc) homologou o resultado do concurso público da educação estadual para o preenchimento de 5.748 vagas entre todos os níveis de formação. Porém, ainda não há uma definição quanto a data para nomeação ou convocação dos aprovados. Por meio da assessoria de imprensa, a Seduc informou que trabalha para a convocação ocorra o mais rápido possível. Até lá, não deverão participar da semana pedagógica, que realizada antes do início do ano letivo, marcado para começar no próximo dia 15. “Alguns professores que já são contratados temporários, participaram do concurso e foram aprovados estarão presentes (na semana). Esse é um ano de muita movimentação nos espaços das escolas, no sentido de contrato e distrato dos professores (interinos)”, comentou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), Henrique Lopes. Ele explica que a legislação é clara que com a chegada dos efetivos ou concursados, o contratado perde a sua atribuição em sala de aula. “A gente tem mais de 60% de interinos no quadro pessoal e, o concurso já remonta há um ano e meio, e se houvesse cumprimento dos prazos legais, para que a convocação aos aprovados ocorresse no início do ano e ingressasse ao quadro de pessoal da escola e participasse da semana pedagógica”, destacou. Ao reforçar a importância da realização do certamente, Lopes lembra que mesmo depois da posse, os aprovados passarão por uma avaliação física e mental. “Eu acredito que não há tempo hábil para chamar até o dia 15 de fevereiro até por que falta a outra etapa que é a do perito”, reforço. O resultado foi publicado, ontem, no Diário Oficial do Estado, pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pela realização do certame. A publicação traz a classificação preliminar do concurso, após análise dos recursos e revisão dos resultados, para o cargo de professor de educação básica, técnico administrativo educacional (TAE) e apoio administrativo educacional (AAE). Conforme a Seduc, o resultado dos recursos interpostos estará disponível para consulta no endereço eletrônico www.ibfc.org.br. O concurso da Seduc faz parte do Pró-Escolas, maior programa de ações e investimentos da história da educação de Mato Grosso, que visa à melhoria da qualidade do ensino nas escolas estaduais. Com salários iniciais de R$ 3.640,34 (professor), R$ 1.456,11 (TAE) e R$ 1.167,12 (AAE), todos para 30 horas semanais, o certame traz uma iniciativa inédita no país, que é um processo seletivo com quatro fases eliminatórias para professores da educação básica. A primeira fase foi composta por uma prova objetiva de múltipla escolha, com 70 questões, e a segunda fase por uma redação e uma prova dissertativa com quatro questões, sendo três da disciplina específica e uma relativa às políticas públicas de educação. Os classificados para a terceira fase realizaram uma avaliação didática com apresentação de uma aula na área específica de atuação. A quarta e última fase será a de avaliação de títulos, também de caráter classificatório. Os candidatos a TAE realizaram, na primeira fase, uma prova objetiva de múltipla escolha de caráter eliminatório e na segunda, redação e prova dissertativa também com quatro questões, sendo três da disciplina específica a que concorre a uma vaga, e uma relativa às políticas públicas de educação.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
A quem interessa a rixa entre o governador Mauro Mendes e o prefeito Emanuel Pinheiro?
Ao governador do Estado
Ao prefeito da Capital
Aos grupos políticos que miram as eleições de 2020
Isso só prejudica a população em geral
PARCIAL