NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Segunda-feira, 17 de Junho de 2019
CIDADES
Terça-feira, 09 de Abril de 2019, 09h:21

300 ANOS

Para cidadãos, Saúde é o presente desejado para Cuiabá

Na lista, em primeiro lugar aparece a Saúde, seguida de melhorias na educação, mais segurança e um melhor sistema de trânsito urbano

JOANICE DE DEUS
DA REDAÇÃO
joanice@diariodecuiaba.com.br
Diário
Os cidadãos cuiabanos reclamam do mau atendimento no setor da Saúde Pública

Com pouco mais de 600 mil habitantes, Cuiabá completou na segunda-feira, 8 de abril, 300 anos.

A capital mato-grossense, que na década de 80 chegou a ser chamada carinhosamente como “Cidade Verde”, conta com um Centro Histórico forte e cheio de memórias, ainda que necessitando de cuidados, e um centro comercial, empresarial e financeiro importante.

Porém, é uma cidade atingida por diversos problemas. Por isso, alguns cuiabanos disseram ao DIÁRIO os presentes de aniversário que, se pudessem, dariam para à capital em comemoração ao seu tricentenário.

Na lista, em primeiro lugar aparece a Saúde, seguida de melhorias na educação, mais segurança e um melhor sistema viário de trânsito urbano.

“Com certeza eu daria mais investimento na saúde. Está um caos. É uma roubalheira e a população que precisa de atendimento sofrendo pelos corredores dos hospitais. O pronto-socorro é uma vergonha”, disse o operador de máster, Ed Ricardo Rodrigues de Oliveira, 45 anos.

O mesmo presente é desejado pela estudante Rafaela Cristina Campos, 20 anos, o taxista Edson Feliciano da Silva, 67, e a vendedora Gleice dos Santos Oliveira Campos, 29 anos. “O que mais Cuiabá precisa neste momento é de uma estrutura melhor na área de saúde. Em janeiro sofri um acidente e fiquei internada no pronto-socorro e nem sequer tinha curativo. A gente precisava comprar”, afirmou Rafaela Campos.

Uma saúde que realmente funcione e resolutiva é o que também sonha Gleice Campos. “Há dois anos aguardo por uma cirurgia de varizes. A saúde de Cuiabá e Várzea Grande é o que tem de pior para o cidadão. Especialistas até têm, mas ninguém está disposto a ajudar. Cuiabá precisa desse cuidado. Os cuiabanos merecem essa atenção. Não é só construir mais unidades, mas a cidade precisa de profissionais e gestores mais comprometidos com a saúde”, destacou.

Opinião semelhante tem o taxista Edson Feliciano. “Hoje, o que mais precisa melhorar é a saúde. As UPAs não funcionam adequadamente e o pronto-socorro como todos sabemos é um caos. É triste uma cidade chegar


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
Em sua opinião, qual deve ser a prioridade do futuro governador de MT?
Reduzir o número de Secretarias de Estado
Concluir as obras do VLT
Pagar dívidas com fornecedores
Saúde, Educação e Segurança Pública
PARCIAL