NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sábado, 19 de Outubro de 2019
CIDADES
Quarta-feira, 19 de Junho de 2019, 06h:29

RONDONÓPOLIS

Revitalização de anel viário custará R$ 7,6 milhões

A licitação para escolha da empresa que realizará as obras de revitalização do anel viário de Rondonópolis (210 quilômetros, ao Sul de Cuiabá) será realizada no dia 25 de julho de 2019. O aviso de reabertura da concorrência pública foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (17), após ter sido suspenso na semana passada para adequações no projeto executivo e planilha de custo.
A sessão será aberta a partir das 09 horas na sede da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) e terá a coordenação da Comissão Permanente de Licitação (CPL) da pasta. Será selecionada ao final do processo licitatório a empresa que estiver apta tecnicamente e apresentar o menor preço. Segundo informações da CPL, o novo edital e anexos estarão disponíveis para consulta a partir do dia 18 de julho e terão o mesmo formato do anterior.
A única alteração será o valor global da obra devido as adequações realizadas no projeto executivo e na planilha orçamentária. Com a modificação, o custo previsto da revitalização passou de R$ 7,033 milhões para R$ 7,683 milhões. A elevação no valor global deve-se ao acréscimo no projeto de alguns serviços de drenagem que não estavam contemplados anteriormente, conforme o engenheiro e superintendente de Projetos da Sinfra, Tércio Almeida.
No total, serão recuperados 16 quilômetros de rodovias, nos entroncamentos da BR-163 com a MT-483 e 270, margeando a cidade de Rondonópolis. De acordo com o edital, os serviços devem ocorrer no prazo de oito meses (240 dias), com vigência de contrato projetada para 330 dias. Entre os trabalhos a serem executados pela empresa vencedora estão: serviços preliminares, como limpeza, drenagem e pavimentação, além da sinalização. A ordem de serviço, conforme descrito em edital, deve acontecer em até 15 dias após a publicação no Diário Oficial do Estado do extrato de contrato.
Podem participar da sessão pública do dia 25 de julho qualquer empresa ou consórcio, inclusive estrangeiro, que comprove ter experiência na execução de serviços de mesmo caráter e de igual complexidade. Concluído os trabalhos e respeitado todos os prazos recursais e legais, a Comissão Permanente de Licitação emitirá um relatório de condução do certame e encaminhará os autos ao secretário da Sinfra, que após análise procederá a homologação e adjudicação do objeto a empresa vencedora. O edital está disponível no endereço eletrônico www.sinfra.mt.gov.br, acessando o menu "serviços" e o submenu "Editais e Licitações.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
A quem interessa a rixa entre o governador Mauro Mendes e o prefeito Emanuel Pinheiro?
Ao governador do Estado
Ao prefeito da Capital
Aos grupos políticos que miram as eleições de 2020
Isso só prejudica a população em geral
PARCIAL