NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019
ECONOMIA
Quinta-feira, 06 de Junho de 2019, 02h:00

MAPA INVESTIMENTO

MT e cidades-polo têm a melhor taxa de aprovação de crédito na região

Mato Grosso e importantes cidades do Estado estão com as melhores taxas de aprovação quando se trata da tomada de empréstimos online. Destaque no País e no Centro-Oeste, cidades-polo como Sorriso (460 quilômetros ao Norte de cidade) e Rondonópolis (210 quilômetros ao Sul de Cuiabá) exibem índices de aprovação de 30% e 29%, respectivamente, os maiores da região e um dos mais altos do Brasil. A taxa reflete o número de pedido realizados em um determinado período e o volume de deferimentos, as aprovações.

Esses e outros dados foram divulgados na semana passada pela FinanZero, empresa que opera como buscador de empréstimos online que realizou um levantamento com 362 mil clientes para traçar o mapa dos empréstimos no Brasil. Segundo a pesquisa, a região Centro-Oeste possui a maior média de aprovação de crédito do Brasil, com 25% de aprovados entre os que solicitaram um empréstimo. Na sequência, aparecem as regiões Sul (23%), Sudeste (22%), Norte (14%) e Nordeste (14%). São três modalidades de crédito avaliadas: empréstimo pessoal, refinanciamento de veículos e refinanciamento de imóveis.

No recorte regional, Mato Grosso do Sul lidera o volume de aprovações com 27% de todos os pedidos recebidos, seguido por Mato Grosso com 26%, Goiás com 24% e o Distrito Federal com 22%. Avaliando os pedidos de empréstimos, Goiás lidera com 11.025 solicitações e participação de 38% no total registrado para o Centro-Oeste. Mato Grosso do Sul soma 6.972, ou 24% do total regional, Mato Grosso com 5.870 (20%) e o Distrito Federal com 4.908 (17%).

Entre as cidades mato-grossenses que se destacam na taxa de aprovação estão: Sorriso com 30%, Rondonópolis com 29%, Sinop com 27%, Primavera do Leste com 26%, Várzea Grande com 25% e Cuiabá com 24%.

Um dos fatores que pode influenciar a taxa de aprovação é o percentual de empregados do setor privado (CLT) entre os solicitantes analisados. Nas regiões com maiores índices de aprovação, o número de empregados privados era maior no Sul (40%), Sudeste (39%) e Centro-Oeste (38%), já entre as regiões com menores taxas de aprovação, o número cai consideravelmente, com o Nordeste (29%) e Norte (30%). “Além de possuírem 20% e 24% menos solicitantes que se classificam como empregados privados, o Norte e o Nordeste, respectivamente, também são as únicas regiões onde o número de autônomos é superior às demais ocupações. Assim, a taxa de aprovação tende a ser menor devido à maior dificuldade em comprovar renda.”, afirma Cadu Guidi, diretor de marketing da FinanZero. No Centro-Oeste, a melhor taxa de aprovação ficou entre pessoas com renda maior que R$ 3.850. Nesta faixa, o índice chegou a 37% dos solicitantes. Considerando o mesmo critério, teve 36% de aprovações no Sul, 35% Sudeste, 23% Nordeste, e 22% Norte. Ademais, a análise entre as pessoas com renda menor que R$ 1.615 demonstra que há uma queda na taxa de aprovação: Centro-Oeste com 14%, Sul 13%, Sudeste 13%, Nordeste 10% e Norte 9%.

Ao detalhar a aprovação de crédito por valor, o estudo mostra que 31% das pessoas que solicitaram mais de R$ 9.000 tiveram seus pedidos aprovados na região Sudeste. Em contrapartida, quando analisado o mesmo valor na região Norte, a aprovação caiu para 18%. 


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
A quem interessa a rixa entre o governador Mauro Mendes e o prefeito Emanuel Pinheiro?
Ao governador do Estado
Ao prefeito da Capital
Aos grupos políticos que miram as eleições de 2020
Isso só prejudica a população em geral
PARCIAL