Imagem

Segunda-Feira, 22 de Dezembro de 2014, 20h:11

Tamanho do texto A - A+

Irmã do rei da Espanha será julgada por delito fiscal

A infanta Cristina, irmã do rei Felipe VI da Espanha, será julgada por dois delitos fiscais, ao lado do marido Iñaki Urdangarín, em um caso de corrupção que abala a monarquia do país desde 2010. O juiz José Castro determinou a abertura de julgamento oral contra 17 pessoas, entre elas a infanta Cristina. A infanta responde como "cooperadora necessária em dois delitos contra a Fazenda Pública" cometidos por seu marido, informou o Tribunal Superior de Justiça de Baleares em um comunicado. Iñaki Urdangarin, 46, medalhista olímpico como atleta de handebol e que virou empresário, é suspeito de desviar 6,1 milhões de euros de dinheiro público, junto com o ex-sócio Diego Torres. DELITO Ele é acusado de ter realizado o delito por meio do Instituto Noos, uma entidade sem fins lucrativos que o cunhado do rei da Espanha presidiu entre 2003 e 2006, e que recebeu importantes contratos de autoridades regionais. Será a primeira vez em que um membro da família real espanhola é julgado. Cristina e o marido negam as acusações.

Ultimas Notícias

Enquetes

O que você acha sobre os ataques terroristas na França?
Horrível
Assustador
Nada
Legal

Mais Lidas

Mais Comentadas