NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019
No Límite
Segunda-feira, 12 de Fevereiro de 2001, 18h:19

Último episódio foi gravado em Nobres sexta-feira

O último episódio de No Limite foi gravado na última sexta-feira (dia 9), na região de Nobres, a cerca de 150 quilômetros de Cuiabá. Os nomes dos vencedores, no entanto, não foram revelados por guias que assessoraram a equipe da Rede Globo na região. As gravações aconteceram nas cavernas do Complexo Cerquinha, distrito de Coqueiral, a 45 quilômetros de Nobres. O guia Everaldo Ferreira Bastos, da empresa de turismo Serras Azuis, foi um dos monitores da produção. Antecipadamente ele fez o reconhecimento da área para a equipe, mas no momento da gravação teve que se manter distante, assim como moradores locais. Cerca de mil metros de raio do principal ponto da gravação – o Duto de Quebó – foram isolados. Para a prova final, segundo o monitor, os competidores chegaram de helicóptero. Em linha reta, o Complexo de Cerquinhas fica a cerca de 70 quilômetros do Lago de Manso, onde foram gravadas as provas de número um a 14. Pelas estradas locais são cerca de 110 quilômetros de distância de Manso. Na prova 15 os competidores tiveram que percorrer trilhas e cruzar riachos até chegar ao Duto de Quebó, uma espécie de túnel que liga o Rio Cerquinha ao Rio Quebó. "No caminho acharam muitas frutas silvestres", comenta Everaldo. No Duto, segundo Everaldo, eles percorreram 600 metros, com botas de borracha, máscaras e tochas de fogo. "Lá dentro, uma das provas incluía um quebra-cabeças", descreve o guia, detalhando que as gravações foram das 10h às 15h. O Duto de Quebó leva este nome por influência indígena, segundo o guia. No local existem morcegos. "O apresentador (Zeca Camargo) nos contou que ficou maravilhado com a beleza do lugar, e que pretende voltar para fazer matérias", destaca Everaldo. "Espero que a partir deste programa o governo comece a incentivar mais o turismo aqui: uma das nossas maiores dificuldades são as estradas que não têm conservação", completa o guia. Para o município de Nobres, segundo Everaldo, a equipe de produção doou todo material cenográfico – entre cordas, as bolas de cipó que foram usadas no episódio do último domingo e outros apetrechos que, como os programas ainda não foram ao ar, o guia não pode contar. Todo este material será colocado em exposição, na cidade de Nobres, no dia 25 de março, quando vai ao ar o episódio final. O Portal do Tempo, de acordo com o guia, foi doado para a prefeitura de Chapada dos Guimarães.

Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
Em sua opinião, qual deve ser a prioridade do futuro governador de MT?
Reduzir o número de Secretarias de Estado
Concluir as obras do VLT
Pagar dívidas com fornecedores
Saúde, Educação e Segurança Pública
PARCIAL