NA HORA
O jornal de Mato Grosso Facebook twitter youtube

Cuiabá MT, Terça-feira, 13 de Novembro de 2018

POLÍCIA
Quinta-feira, 08 de Novembro de 2018, 10h:52

SEQUESTRO

Policia intercepta carro e salva rapaz ameaçado de morte

S.B., 39, que usa tornozeleira eletrônica, disse que os cinco suspeitos iriam matá-lo

Da Redação
PM
A ação foi desenvolvida por equipes da Polícia Militar

Cinco suspeitos em um Corolla preto teriam sequestrado um rapaz conhecido como “Jangadinha”, no Bairro Nova Esperança II, em Cuiabá e seguido sentido Distrito Industrial.

Com apoio de viaturas do 24º Batalhão, os policiais do 3º Batalhão conseguiram interceptar o veículo nas proximidades do clube Japonês, nesta última terça-feira (06).

A vítima estava escondida no porta-malas e gritava por socorro. A suspeita era de que os envolvidos iriam atentar contra a vida do rapaz.

Ao ser libertado, V.S.B., 39 anos, o “Jangadinha”, que usa tornozeleira eletrônica, relatou aos policiais que os cinco suspeitos iriam matá-lo, pois o acusavam de roubo na região do Nova Esperança e teriam dito que por esse motivo deveria pagar com a vida.

O Corolla usado no suposto sequestro também é fruto de crime. Estava com a placa clonada, conforme checagem junto ao Ciosp, constando como roubo e foi encaminhado para a Central de Flagrantes, juntamente com os detidos, sendo Anderson Therezan Melo da Luz, 19 anos, Francis Wellington Almeida Guimarães, 21, Marcos Antonio Rodrigues dos Santos, 26, Jean Carlos Mesquita Filho, 21, e Wellington Lima da Silva, 23.

A vítima apresentava diversas lesões pelo corpo e reclamava de dores sendo encaminhada para atendimento médico no Pronto Socorro de Cuiabá.


Comentários







Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site. Clique aqui para denunciar um comentário.



ENQUETE
Em sua opinião, qual deve ser a prioridade do futuro governador de MT?
Reduzir o número de Secretarias de Estado
Concluir as obras do VLT
Pagar dívidas com fornecedores
Saúde, Educação e Segurança Pública
PARCIAL